-

[Quotes] Tartarugas até lá embaixo

Olá leitores, tudo bem?

Quem já leu algum livro do Jonh Green sabe que o escritor não economiza na hora de criar quotes ou usar citações, com Tartarugas até lá embaixo não foi diferente. Esse livro foi minha ultima leitura do ano, eu estava viajando e não tinha levado nenhum post-it, imaginem meu sufoco para marcar as frases. Eu tive que ir anotando as páginas no celular e depois que voltei de viajem fui voltando nelas e achando o que tinha me chamado atenção. 

Dica de hoje: Não esqueçam os post-it.

E se você já estava interessado em adquirir esse livrinho, espero que goste dos quotes e se anime a correr para comprar seu exemplar, eu não poderia ter terminado meu 2017 com leitura melhor!


"Mas eu estava começando a entender que a vida é uma história que contam sobre nós, não uma história que escolhemos contar." Pág 1
"Qualquer um pode olhar para você, mas é muito raro encontrar quem veja o mesmo mundo que o seu." Pág 16
"A questão da espiral é que, se a seguimos, ela nunca termina. Só vai se afunilando, infinitamente." Pág 14
"Parta corações, mas não quebre promessas." Pág 14
"O verdadeiro terror não é ter medo, é não ter escolha senão senti-lo." Pág 28
"Estamos prestes a viver o Sonho Americano, que é, obviamente, tirar vantagem da desgraça alheia." Pág 29
"Ninguém nunca diz até logo a menos que queira ver a pessoa novamente." Pág 61
"Bem-vinda ao futuro, Holmes. O negócio agora não é mais hackear coputador, é hackear a alma humana." Pág 65
"E a questão é que, quando a gente perde alguém, a gente se dá conta de que no fim vai perder todo mundo." Pág 81
"Ah, hoje em dia todo mundo é maluco. Sanidade adolescente é tão século XXI." Pág 86
"Eu era o peixe, infectado por um parasita, nadando próximo à superfície, querendo ser devorada." Pág 126
"Os adultos pensam que sabem controlar o poder, mas na realidade é o poder que acaba controlando os adultos." Pág 139
"Acho que, em algum momento, todo mundo percebe que a pessoa responsável por nós é só um ser humano, não tem superpoderes, e que na verdade não pode nos proteger da dor." Pág 141
"O mais apavorante não é girar sem parar numa espiral crescente, é girar sem parar na espiral que se afunila. É ser sugado para um redemoinho que vai se fechando mais e mais e esmagando seu mundo até você estar girando ser sair do lugar, preso numa cela que é exatamente do seu tamanho e nem um milímetro a mais, até você finalmente se dar conta de que na verdade não está preso na cela. Você é a cela." Pág 144
"Três flocos, e então quatro.
E depois muitos, muitos outros." Pág 198
"Estar vivo é sentir saudade." Pág 262

Kisses


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Layout: Natana Duarte | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©