-

[Resenha] Como se casar com um marquês

Olá amoras, tudo bem?

Hoje trago para vocês a resenha de um livro da amada Julia Quinn, uma das minhas escritoras favoritas quando se trata de romance de época.

Titulo: Como se casar com um marquês (Agentes da coroa #2)
Autor(a): Julia Quinn
Ano: 2017 / Páginas: 320
Editora: Arqueiro
⭐⭐⭐⭐⭐














Elizabeth Hotchkiss é uma aristocrata do campo ou pelo menos era quando seus pais ainda eram vivos, agora ela trabalha como acompanhante de Lady Danbury para sustentar suas duas irmãs e seu irmão que carrega o titulo de baronete e precisa de uma educação adequada para sua posição, diante desse desafio nossa protagonista não vê outro escolha se não procurar um marido rico e rápido, ela só não esperava que seu caminho fosse cruzar com um charmoso administrador que pode acabar roubando seu coração.

O marquês de Riverdale James Sidwell, estava entediado em Londres, desde que se aposentara de seu posto de agente da coroa, ele vem frequentando bailes com mães loucas para casar suas filhas e mesmo ciente de que precisava encontrar uma esposa não exita nem por um segundo quando sua tia Lady D. o convoca pedindo ajuda sob o motivo de estar sendo chantageada, logo ele adota a identidade de administrador e passa a investigar o caso que o leva diretamente para Elizabeth, uma dama extremamente desastrada que prende imediatamente sua atenção, agora ele está decidido a faze-la contar todos os seus segredos, só resta a duvida se ele está fazendo isso para pegar o culpado ou por interesse próprio.

Rapidamente, James e Lizz se vem envolvidos por uma situação nada comum, quando Elizabeth encontra um livro chamado "Como se casar com um marquês" com uma série de regras que garantem conquistar a pessoa desejada, desesperada por um marido ela resolve testar as dicas com o novo funcionário, porém as coisas não saem como o esperado e de repente a dama de companhia se vê recebendo aulas do administrador sobre como arrumar um marido, eles só não sabem se essa aproximação irá fazer bem para o coração de ambos!

Um dos personagem que me divertiu muito nessa trama foi Lady D. com sua língua afiada e sua sinceridade, com certeza ela sabe usar o pretexto da idade como um meio de falar a verdade sem pensar suas vezes, por causa disso muitos a consideram uma bruxa e junto com seu gato Malcolm, fazem um pacote completo na vida de Elizabeth, que se mostra uma garota muito forte e corajosa que está faz tudo pelo bem de sua família.

Julia Quinn como sempre não decepcionou, a historia conseguiu ser divertida e apaixonante, e tanto os personagens principais como secundários roubaram meu coração, eu ainda não li o primeiro livro dessa duologia que é "Como agarrar uma herdeira" e apesar dos personagens dele aparecerem durante a leitura, não atrapalhou em nada a entendimento, pelo contrario, me deu muita vontade de conhecer um pouco mais sobre o casal Caroline e Blake.


Alguns quoute:
“Não havia outra maneira, ela concluiu, ela constatou, com tristeza. Teria mesmo de se casar. E o marido teria de ser rico... Era simples, assim”.
"Era muito pequeno, encadernado no couro de vermelho mais intenso que Elizabeth já vira."
"Mas a verdade era que as pessoas viam o que esperavam ver, e quando James agia como um administrador, todos enxergavam um administrador."
"Elizabeth reprimiu um murmúrio e voltou para a cadeira de espaldar alto. Gostava de Lady Danbury. De coração. Na verdade, ansiava pelo dia em que poderia usar a idade como desculpa para exibir a franqueza que era marca registrada da condessa."
"Já lera Shakespeare o bastante para confiar no Bardo, e se ele dizia que era melhor ter amado e perder do que nunca ter amado..., bem, Elizabeth acreditava nele."


Sobre a autora:

Julia Quinn começou a trabalhar em seu primeiro romance um mês depois de terminar a faculdade e nunca mais parou de escrever. Seus livros já atingiram a marca de 8 milhões de exemplares vendidos, sendo 3,5 milhões da série Os Bridgertons.
É formada pelas universidades Harvard e Radcliffe. Seus livros já entraram na lista de mais vendidos do The New York Times e foram traduzidos para 26 idiomas. Foi a autora mais jovem a entrar para o Romance Writers of America’s Hall of Fame, a Galeria da Fama dos Escritores Românticos dos Estados Unidos, e atualmente mora com a família no Noroeste Pacífico.





Comente com o Facebook:

10 comentários:

  1. Estou lendo a serie Os Bridgertons e me viciei na escrita da Julia, que escreve romance histórico perfeitamente. Com essa resenha maravilhosa acabo de colocar mais 2 livros na minha lista de livros que tenho que ler.

    Bjus**
    http://imagine-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Camila!

    Tudo bem? eu não li muitos romances de época até agora, mas gostei do que li até o memento. Eu fico meio perdida com qual livro é de que série e a ordem dos volumes das obras da Julia Quinn porque a mulher lança um livro novo todo dia kkkkkkkkkkk

    Enfim não sei se em algum momento lerei os livros dela, mas por enquanto não sito vontade nenhuma.

    Beijinhos
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  3. Dá até dor no coração ver o nome Quinn nos blogs, eu nunca li nenhum livro dela, mas fico encantada com essas resenhas que ressaltam o quão apaixonante e divertido pode ser seus romances de época. Meta desse ano: ler algum livro dessa mulher rsrs.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu acabei pegando certo repúdio pelas obras da Júlia Quinn de tanto o povo falar do Bridgertons, tenho os três primeiros, mas nao consegui pegar para ler ainda. Essa duologia que lançaram no segundo semestre de 2017 foi um dos raros casos que um livro da Júlia me chamou atenção, espero gostar tanto qnt vc, pq tenho certeza que vai ser meu primeiro contato com a autora.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bom?
    Já vi tantos comentários sobre a Julia Quinn, mas nunca tive a oportunidade de ler nada dela. A trama não me atrai tanto, mas acho que gostaria de conhecer a Lady D., gosto de personagens com língua afiada. Adorei a resenha.
    Até mais o/

    ResponderExcluir
  6. Oieee, Ja vi muitos posts sobre a autora diversas resenhas mas ainda não li nada dela acredita? Não curto muito romances de época, mas com certeza se for ler vou começar a ler um dessa autora. Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  7. Oie!
    Eu já li esse livro e achei a história muito fofa! Adorei todo o romance, assim como o primeiro volume, que foi bem encantador e divertido.
    Uma história muito fofa!
    bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  8. Oiii tudo bem??

    Que interessante você ter lido o segundo antes do primeiro. Achei que poderia atrapalhar.
    Nunca li Julia Quinn, mas pretendo em breve, e ver o que é que todos gostam.
    Adorei a resenha.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    Várias pessoas que acompanham já leram algum livro ou acompanham a Júlia Quinn - sinto que estou de fora! Mas anotei a indução.

    Abraços,
    Heitor Botti

    ResponderExcluir
  10. Como assim você começou pelo livro dois!? Eu não consigo, mesmo quando são "livros independentes" sempre rola um spoiler, nem que seja de leve. Mas fico feliz em saber que mais uma vez a Diva Jukia Quinn arrasou. Completei a duologia essa semana e pretendo ler ainda esse ano com certeza. Amei saber sua opinião. Agora corra e vá ler o primeiro livro né!! Além disso a arqueiro já lançou livro novo dela né!? Haja dinheiro, tempo e estante para tanto livro. Enfim beijos.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...



Layout: Natana Duarte | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©